sábado, 26 de novembro de 2011

Casinha de Passarinhos - moldes

Olá.
 Há algum tempo a Evelize Xavier mandou-me o molde de uma casinha que ela apresentou no Atelier na TV, conforme eu disse aqui na época.
Porém, o programa não tem sido encontrado, tampouco o blog da Evelize. Infelizmente, porque aquela menina é muito talentosa!
Então vou colocar os moldes que a Evelize me mandou, e tentar explicar como ela fez.
Reparem que os moldes estão, em sua maioria, no tamanho natural. O que não estiver tem que ser adaptado.
A casinha pode ser encapada com tecidos variados ou um único, depende do gosto de cada uma, ou com papel de scrap, todo igual, ou cada parte de uma cor ou modelo.
Cada parede é forrada separadamente, devendo ser deixado um pedaço de cerca de 0,5 a 1,0 cm em todos os lados (laterais, superior e inferior). Depois de coladas, as paredes serão unidas por meio de uma costura aparente, um alinhavado na mesma cor do tecido ou contrastando (fica bom), exatamente para aparecer. O fundo da casinha é costurado na borda do tecido da parede, bem como o telhado.
O papel paraná de gramatura média ou fina pode ser costurado, uma agulha de cozer média ultrapassa com facilidade, portanto, dá para costurar o telhado na borda superior das paredes.
Se fizer com papel deve proceder da mesma forma, porém, ao invés da costura, serão colados para unir as partes (cascorez rótulo azul).
O excesso  de tecido deixado na parte superior das paredes da frente e detrás da casinha, que não serão coladas no teto que é vazado, pode ser dobrado para dentro e colado, ou alinhavado. Dependerá exclusivamente de quem está fazendo, não existem regras para o acabamento, que, inclusive, pode ser feito de outra forma que a pessoa souber fazer.
Eis os moldes:




  Essa é uma casinha de passarinhos que fiz toda em crochê. Cada parede tem  square e cores diferentes. A estrutura é de papel paraná. Pode ser usada uma caixinha já existente e que o tamanho seja bom,  vale a pena reciclar.
Usando a mesa técnica, uma caixa de papel paraná, fiz esta casinha de gnomos, totalmente em crochê. As paredes ficaram ótimas com o crochê feito com uma lã que parece sinhaninha, muito usada para fazer cabelos de bonecas. Não sei o nome, desmanchei um cachecol que eu não usava (moro em Cuiabá, aqui não precisa disso) para crochetar as paredes! O telhado, de quatro águas, fiz com barbante. Para os gnomos usei a Pingouin Bella, linha firme sem ser dura ou muito grossa.
Bordei nas paredes alguns galhos de Hera, e o musgo fiz com lã verde, amarrada nas paredes e depois esgarçada.
 Bem, é isto.
Dúvidas, mandem-me e-mail.




Um comentário:

  1. Ficou linda a casinha de passarinho. Eita menina talentosa!!! Bjim.

    ResponderExcluir